Pages

domingo, 7 de julho de 2013

Adustina: Algumas comunidades sem chover preocupam os agricultores.





Há vários dias sem chover de forma significativa em algumas comunidades produtora de milho e feijão as plantações começam a sentir os efeitos negativos da falta de água no solo para manter a lavoura saudável.
Fotos feitas próximo a Serra do João Grande

 


















Em parte dos povoados Baixa Vermelha, João Grande e Bom Jesus a situação começa a ficar crítica, pois os pés de milho e feijão já estão murchando devido o forte calor e a falta de chuva. A preocupação dos agricultores é que caso a chuva demore a cair nessas localidades à produção seja prejudicada já que os feijões estão floridos e os milhos com espigas moles precisando de água para crescer os grãos.
Já na comunidade Umburana a situação é bem diferente, mesmo com a pouca chuva que caiu nos últimos dias a lavoura vem se desenvolvendo bem, e caso não falte chuva a expectativa é de uma produção recorde tanto de milho quanto de feijão.

Fotos feitas no povoado Umburana


  
















Fonte: Adustina 24 Horas       

0 comentários:

Postar um comentário