Pages

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

Bahia conquista R$202 milhões do PAC Cidades Históricas

A Bahia está entre os 20 estados incluídos no PAC Cidades Históricas. O estado vai receber cerca de R$ 202 milhões a serem revertidos em obras de recuperação e revitalização do Centro Histórico e restauração de monumentos, além de colaborar com o desenvolvimento econômico e social local.
São quatro os municípios baianos beneficiados, sendo o estado mais contemplado no Nordeste: Itaparica (R$13,17 milhões), Maragogipe (R$ 15,74 milhões), Santo Amaro ($ 31,08 milhões) e a capital, Salvador (R$142,10 milhões). As obras serão executadas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), órgão vinculado ao Ministério da Cultura, e pelo governo estadual.
Para o secretário estadual da Casa Civil, Rui Costa, que monitora as ações do PAC Cidades Históricas na Bahia, esta ação é de extrema importância para a cidade. “O investimento em cidades históricas vai além de cuidar de belas paisagens. É, também, um resgate e uma forma de demonstrar respeito pela nossa cultura. Em Salvador, vamos revitalizar a região do centro histórico, cuidar das pessoas, trazer movimento e segurança. O centro precisa ser mais do que um espaço exclusivo do turista, ele precisa estar inserido no dia a dia do soteropolitano”.
O valor está inserido no montante de R$1,6 bilhão a ser investido no PAC Cidades Históricas em todo o Brasil, anunciado pela presidenta Dilma Rousseff, em evento realizado no município de São João Del Rei, em Minas Gerais, nesta terça-feira (20).

--
Assessoria de Comunicação
Casa Civil do Governo da Bahia
(71) 3115-9204

0 comentários:

Postar um comentário