Pages

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Secretaria da Educação orienta estudantes sobre o que fazer às vésperas do Enem

Às vésperas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que acontece nos próximos sábado e domingo (26 e 27), os estudantes precisam, nesta reta final, muito mais do que conhecimentos. Com 120 questões e mais uma redação, a prova, segundo avaliação de psicopedagogos, exige menos da memória e mais da capacidade de compreensão e de raciocínio lógico. Isso implica, conforme os especialistas, capacidade de concentração do estudante que, para ter bom desempenho, precisa se preparar emocionalmente.

“O mais importante é manter a calma. Dois dias antes da prova, o estudante já deve começar a se preparar dormindo e se alimentando bem. Ele deve ter, pelo menos, oito horas de sono e ingerir alimentos leves e saudáveis. Quando o corpo está em equilíbrio físico e orgânico, o estudante tem mais chance de êxito”, orienta a psicopedagoga e técnica da Superintendência de desenvolvimento da Educação Básica, da Secretaria da Educação do Estado da Bahia, Carla Verônica Albuquerque Almeida.

Acumular conteúdo para a reta final de preparação ou revisar os assuntos na véspera da prova são condutas que, segundo a psicopedagoga, atrapalham mais do que ajudam. “Se debruçar sobre o conteúdo na véspera, gera tensão maior”, explica a especialista, ressaltando que o estudante não deve se cobrar muito. “Já há uma cobrança natural da escola, pais e colegas”.

Carla Verônica orienta os estudantes para iniciarem a prova com a leitura de todos os itens. “As questões nas quais eles sentem mais segurança devem ser respondidas primeiro. Assim podem dedicar mais tempo aos assuntos que trazem insegurança maior”. Durante o tempo de prova, é importante manter o corpo hidratado e, em caso de queda no nível de glicose, muitas vezes ocasionada pelo estresse ou acúmulo de horas de estudo, o chocolate ou uma barrinha de cereal podem ajudar. 


Mais Informações: Rede News Bahia

0 comentários:

Postar um comentário