Pages

terça-feira, 5 de novembro de 2013

TJ-BA afirma 'surpresa' por decisão do CNJ de afastar o atual presidente

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), em nota divulgada na tarde desta terça-feira (5), afirma estar surpreso com a decisão tomada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) de afastar do cargo de desembargador o atual presidente Mário Alberto Simões Hirs e a ex-presidente Telma Laura Silva Britto. O conselho abriu processo disciplinar para apurar se eles atuaram para o pagamento indevido de R$ 448 milhões em precatórios, que são dívidas do poder público reconhecidas pela Justiça.
O TJ-BA informa que prestou os esclarecimentos devidos durante correição do CNJ e que tem certeza de que não há irregularidades nas ações apontadas. (Confira nota do órgão na íntegra ao fim da matéria).

 Decisão

Fonte: G1 BA

0 comentários:

Postar um comentário