Pages

quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

Carroceiro que ganhou Camaro na Bahia deixava de pagar as contas para comprar cartela de sorteio

Uol
Foto: Anderson Oliveira/Blog do Anderson
Foto: Anderson Oliveira/Blog do Anderson
O carroceiro Gilvan Silva, 39, morador de Vitória da Conquista (a 516 km de Salvador), ganhou um Camaro amarelo como prêmio de um título de capitalização. O carro foi entregue na tarde de segunda-feira (23)

 O carroceiro Gilvan Silva, 39, morador de Vitória da Conquista (a 516 km de Salvador), ganhou um Camaro amarelo como prêmio de um título de capitalização. O carro foi entregue na tarde de segunda-feira (23)
O sonho de ter uma vida melhor fez o carroceiro Gilvan Silva, 39, arriscar metade do dinheiro que recebe por semana, cerca de R$ 40,00, para comprar duas cartelas, ao preço de R$ 10 cada uma, do sorteio que o fez faturar um Camaro amarelo, no último domingo (22), em Vitória da Conquista (a 516 km de Salvador). O carro foi entregue na tarde da segunda-feira (23).
Silva trabalhava na lavoura na colheita de café, mas ficou desempregado e vive fazendo bico com frete numa velha carroça. Ele contou que deixou de pagar contas de energia e água para arriscar na sorte e concorrer ao Camaro.
"Sempre que eu tinha dinheiro eu comprava uma cartela. Minha mulher reclamava porque ficava devendo conta de luz e água, mas dessa vez deu certo. Comprei duas e fiquei com metade do dinheiro que recebi na semana passada", relatou Silva, em entrevista ao UOL nesta quarta-feira (25).
O carroceiro disse que não sabe dirigir e nem tem interesse em tirar carteira de habilitação para possuir um carro. "Não quero carro não, quero uma carroça amarela para trabalhar. Sou um homem trabalhador e meu cavalo está muito cansado puxando essa carroça velha. Vamos melhorar de vida e o bichinho também", contou. Ele é casado e tem três filhos.
O sortudo disse que já recebeu propostas de vender o carro, mas só vai resolver a venda em janeiro. "Agora tenho planos de comprar um terreno, construir uma casa e uma carroça nova e ainda guardar um pouco para render na poupança. Quero também passar uns dois meses viajando, visitando a família", contou Silva, que é de Pernambuco.

Sul Bahia News 

0 comentários:

Postar um comentário