Pages

quinta-feira, 3 de julho de 2014

População aproveita 2 de julho para fazer manifestações

População aproveita 2 de julho para fazer manifestações
Fotos: Joilson César / Ag. Haack / Bahia Notícias
A população de Salvador aproveitou os festejos de 2 de julho para se manifestar os mais diversos desejos e indignações. Entre os grupos que passaram pelo Centro, estava a Marcha das Vadias, em que mulheres pediam o fim do machismo e da lesbofobia e a legalização do aborto. Membros do Sindicato dos Trabalhadores em Água, Esgoto e Meio Ambiente no Estado da Bahia (Sindae) também aproveitaram a data para pedirem a não "privatização da água" – em referência à intenção do prefeito ACM Neto de retirar da Embasa o controle do sistema de água e esgoto da capital baiana.
Professores estaduais também promoveram uma manifestação em que pediam mais verbas para as universidades baianas. Eles aproveitaram para criticar a gestão petista da greve da categoria em 2012, quando os funcionários passaram quatro meses sem receber salários.

0 comentários:

Postar um comentário